Carta do Prelado (6 de outubro de 2022)

O Prelado do Opus Dei comunica que no primeiro semestre de 2023 convocará um Congresso Geral Extraordinário, para levar a cabo a adequação dos estatutos da Obra de acordo com as indicações do Motu proprio “Ad charisma tuendum”.

Carta del Prelado (6 octubre 2022): Motu proprio Ad charisma tuendum

Queridíssimos: que Jesus me guarde as minhas filhas e os meus filhos!

Como já vos referi, no Conselho Geral e na Assessoria Central estamos a estudar o procedimento de como levar a cabo o que o Papa nos pediu sobre a adequação dos Estatutos da Obra às indicações do Motu proprio Ad charisma tuendum.

No Dicastério para o Clero aconselharam-nos a não nos limitarmos a considerar o que se refere à dependência da Prelatura deste Dicastério e à transição do relatório à Santa Sé sobre a atividade da Prelatura de quinquenal para anual, mas a propor outros possíveis ajustamentos aos Estatutos, que nos parecerem convenientes à luz do Motu proprio. Também fomos aconselhados a, sem pressa, dedicar o tempo que for necessário.

Sendo uma iniciativa da Santa Sé, não é obrigatório realizar os Congressos Gerais previstos para introduzir alterações nos Estatutos (cf. n. 181, § 3). No entanto, com o parecer favorável da Assessoria Central e do Conselho Geral, convocarei um Congresso Geral Extraordinário com esse objetivo preciso e limitado, que decorrerá no primeiro semestre de 2023.

Para preparar este trabalho das e dos congressistas, é importante também contar, com suficiente antecedência, com a contribuição de quem quiser enviar sugestões concretas. Em breve chegar-vos-ão orientações sobre como e quando me podereis enviá-las, de modo a possibilitar o seu estudo.

Tende em conta que se trata de cumprir o que a Santa Sé indicou, não de propor qualquer mudança que nos pudesse parecer interessante. A par do desejo de ser fiéis ao património recebido do nosso fundador, importa ter em conta o bem geral que pressupõe a estabilidade jurídica das instituições.

Naturalmente, o texto do Motu proprio pode suscitar outras sugestões, além do que se refere aos Estatutos, para dar novo impulso ao trabalho apostólico. Ser-vos-ão pedidas mais à frente, quando forem convocadas as próximas Semanas de Trabalho.

Confiemos tudo isto à intercessão de S. Josemaria, hoje ao celebrarmos o vigésimo aniversário da sua canonização. Peçamos ao Senhor que o carisma, que Deus confiou ao nosso Padre a serviço da Igreja, dê com renovada força, como nos exortou o Papa Francisco, frutos na vida de cada um.

Envio-vos a minha bênção mais afetuosa.

O vosso Padre

Fernando Ocáriz

Roma, 6 de outubro de 2022