Number of articles: 11

Naturalidade

S. Josemaria gostava de falar da virtude humana da “naturalidade”. Considera esta uma atitude profundamente cristã, que denota sempre a qualidade do que é feito com verdade, sem disfarce, duplicidade ou ornamentação.

Documentação

Muito humanos, muito divinos (14): Para dar luz, palavras verdadeiras

Jesus e os primeiros discípulos demonstraram um grande amor à verdade, com a segurança de quem transmite uma notícia que enche a vida de alegria.

Textos espirituais

Paixão pela verdade

O mundo necessita de “testemunhas apaixonadas e coerentes da verdade”. Numa época em que o relativismo tem convencido muitas pessoas que é impossível conhecer a verdade, a paixão por buscá-la e transmiti-la converteu-se numa tarefa alegre para os cristãos.

Textos espirituais

Evangelho de terça-feira: o caminho de Deus segundo a Verdade

“Mas ensinas com sinceridade o caminho de Deus” A vida cristã é um discernimento contínuo entre a verdade e a mentira. Jesus, Caminho, Verdade e Vida, oferece-se para fazer o caminho connosco e para superar a sedução e a mentira. Pegar-lhe na mão é abrir-se à Sua palavra e seguir as Suas pegadas.

Comentário ao Evangelho

Evangelho de domingo: Cristo Rei

Comentário ao Evangelho da Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo (Ciclo B). «Tu és o Rei dos Judeus?». Jesus veio pregar o Reino dos céus e convida-nos a participar nele. “Reino de verdade e de vida, reino de santidade e de graça, reino de justiça, de amor e de paz”.

Comentário ao Evangelho

Evangelho de sexta-feira: encontrar Deus em tudo

Comentário ao Evangelho de sexta-feira da XXXIV semana do Tempo Comum. «Em verdade vos digo: não passará esta geração sem que tudo aconteça. Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não passarão». Viver na verdade pressupõe não somente rejeitar toda a hipocrisia, mentira ou falsidade, mas também levar uma vida de acordo com a verdade.

Comentário ao Evangelho

Evangelho de quinta-feira: a verdade da cruz

Comentário ao Evangelho de quinta-feira depois das Cinzas. «Se alguém quiser seguir-Me, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz todos os dias e siga-Me». Para um cristão deste século, talvez mais do que nunca, pegar na cruz de cada dia consiste em repetir as mesmas verdades de Cristo, com as mesmas palavras de Cristo. Sem medo da vida. Sem medo da morte. E, se possível, com graça. Com a graça de Maria.

Comentário ao Evangelho

Evangelho de quarta-feira: conhecer Deus através de Jesus Cristo

Comentário ao Evangelho de quarta-feira da IV semana da Quaresma. «Assim como o Pai tem a vida em Si mesmo, assim também concedeu ao Filho que tivesse a vida em Si mesmo». Jesus ensina que Ele é Deus. É através do Filho que podemos conhecer o Pai.

Comentário ao Evangelho

Evangelho de domingo: liberdade, eleger o bem por amor

Comentário ao Evangelho do XIII domingo do Tempo Comum (Ciclo C). «Aproximando-se os dias de Jesus ser levado deste mundo, Ele tomou a decisão de Se dirigir a Jerusalém». A liberdade é a capacidade de eleger o bem, tomando decisões conscientes movidas pelo amor. Jesus alcançou o cume da sua liberdade escolhendo dirigir-se à cidade onde terminaria cravado na cruz.

Comentário ao Evangelho

Evangelho de sábado: perder a cabeça por amor

Comentário ao Evangelho de sábado da XVII semana do Tempo Comum. «O rei ficou consternado, (...) e mandou decapitar João no cárcere». O verdadeiro amor, profundo e fecundo, é aquele que está pronto a dar-se inteiramente, a perder a vida pelas pessoas amadas, em defesa da Verdade.

Comentário ao Evangelho