A Bíblia de Navarra reeditada em português com importantes novidades

A reedição, feita pela Alêtheia Editores e apresentada recentemente em Lisboa por um dos redatores desta Bíblia, Vicente Balaguer, inclui quatro novidades principais, relativamente à anterior edição em português.

Opus Dei - A Bíblia de Navarra reeditada em português com importantes novidades

Relativamente à anterior edição portuguesa de 1994, as novidades principais são:

1.A tradução portuguesa do texto bíblico é a da Difusora Bíblica.

2. O conjunto das notas é praticamente novo. Mais substancial e melhorado, tem uma estrutura interna mais organizada e muitos textos novos. É agora mais intuitiva a compreensão da narrativa dentro das sequências dos eventos.

3. Ampliou-se a citação de autores que já constavam da edição anterior, como S. Teresa Benedita da Cruz, S. Tomás Moro, S. João de Ávila, S. Teresa de Ávila, Tomás de Kempis e S. Teresinha do Menino Jesus.

4.Faz-se referência a novos textos, todos posteriores à primeira edição, nomeadamente de S. João Paulo II, de Bento XVI e do Catecismo da Igreja Católica.

Apresentação no Grémio Literário

O I volume da tradução portuguesa da Bíblia de Navarra, contendo os Santos Evangelhos, numa edição da Alêtheia Editores, foi apresentada pelo Pe. Vicente Balaguer, diretor do Departamento de Sagrada Escritura da Faculdade de Teologia da Universidade de Navarra, e um dos membros do Conselho de Redação desta Bíblia.

O Pe. Vicente Balaguer recordou o historial desta obra, preparada em resposta a um desafio feito por S. Josemaria Escrivá, o primeiro Magno Chanceler da Universidade de Navarra. O desafio era o de que os investigadores da Universidade de Navarra fizessem uma tradução completa da bíblia, acompanhando-a de comentários que, na tradição da leitura católica do texto sagrado, a tornassem acessível ao leitor comum, e pudessem alimentar a vida de relação com Cristo.

A primeira edição conjunta dos evangelhos da Bíblia de Navarra foi publicada em 1983. Esta edição teve uma primeira tradução portuguesa (dos comentários) em 1985, e uma reimpressão corrigida em 1994. Em ambos os casos, foi usada a versão portuguesa do texto bíblico utilizado da Editorial Universus.

Nos vinte anos que se seguiram, a primeira edição dos evangelhos da Bíblia de Navarra foi objeto de um apurado trabalho de atualização pelo seu Conselho de Redação, que culminou na publicação, em 2004, de um volume com todo o conjunto do Novo Testamento, que teve uma segunda edição, corrigida, em 2008. É o primeiro volume desta edição de 2008 que o público português tem agora à disposição.

Pode ver-se mais informação sobre a Obra neste link.

A Agência Eclesia fez também uma referência a esta apresentação que se pode ler neste link.


Ver fotografias do evento