Cascais: abertura da exposição sobre os 75 anos (vídeo)

A exposição pode ser visitada na Casa Duarte Pinto Coelho, Parque Marechal Carmona, em Cascais, de 8 a 30 de maio. A abertura no sábado, 8 de maio contou com a presença do Dr. Carlos Carreiras, Presidente da Câmara de Cascais

A cidade de Cascais acolhe de 8 a 30 de maio a exposição itinerante com fotografias e objetos, alguns inéditos, sobre a história dos 75 anos do Opus Dei em Portugal.

Local: Casa Duarte Pinto Coelho, Parque Marechal Carmona
Av. Rei Humberto II de Itália,
2750-642 Cascais

Horário: de 3ª a Domingo 10h-13h; 14h-18h.

Entrada gratuita

Datas: de 8 a 30 de maio.

No dia 8 de maio, sábado, o Dr. Carlos Carreiras (Presidente da Câmara Municipal de Cascais), acompanhado do Dr. Salvato Teles de Menezes (Presidente da Fundação D. Luís I) e de Mons. José Rafael Espírito Santo (Vigário Regional do Opus Dei em Portugal) visitaram a exposição. O autarca de Cascais confessa que "é um privilégio poder ter a exposição em Cascais para ficar a conhecer melhor S. Josemaria e a sua Obra"

Margarida Marcelino, coordenadora da exposição mostra um dos painéis aos convidados (Fonte: C.M. Cascais)

O autarca de Cascais confessa que "é um privilégio poder ter a exposição em Cascais para ficar a conhecer melhor S. Josemaria e a sua Obra"

Para Margarida Marcelino, uma das coordenadoras da exposição, esta "tem fundamentalmente dois objetivos: dar a conhecer a história destes 75 anos, que é uma história de fé, de entrega, trabalho e alegria protagonizada por S. Josemaria e pelos primeiros membros da Obra a chegar a Portugal que souberam confiar e fazer realidade os sonhos de Deus". O segundo é, com palavras do Papa Francisco, "fazer uma memória agradecida destes anos com paixão e confiança para continuar a levar a evangelização a que a Igreja nos chamou".

A exposição inclui fotos inéditas e também alguns objetos históricos, como por exemplo, a primeira edição do "Caminho" em português, um livro escrito pelo fundador do Opus Dei.

Pode-se visitar a exposição até 30 de maio na Casa Duarte Pinto Coelho, junto à Marina de Cascais (Foto: C.M. Cascais)Margarida Marcelino reconhece que "esta exposição mostra um caminho percorrido, (...) mas abre-se ao futuro como qualquer caminho e, neste caso, um caminho que só termina na eternidade e que deve ser percorrido por cada um".

Veja no mapa como chegar


Fonte: Câmara Municipal de Cascais

Informações sobre a Exposição

As notícias da Exposição nos media: Rádio Renascença | Voz da Verdade