Uma casa

Gostava de contar um favor recebido de Deus através da intercessão de Dora. Somos um casal com cinco filhos, entre os 6 e os 17 anos. Há uns anos decidimos mandar os nossos filhos para os colégios de Sternik. A nossa casa está bastante longe dessas escolas, entre 36 e 50 quilómetros, e levá-los e trazê-los .

Opus Dei - Uma casa

Gostava de contar um favor recebido de Deus através da intercessão de Dora. Somos um casal com cinco filhos, entre os 6 e os 17 anos. Há uns anos decidimos mandar os nossos filhos para os colégios de Sternik. A nossa casa está bastante longe dessas escolas, entre 36 e 50 quilómetros, e levá-los e trazê-los gastava-nos muito tempo e energia.

Este ano resolvemos alugar uma casa ou um andar perto da escola. Infelizmente, as nossas possibilidades económicas são bastante modestas, podíamos destinar ao aluguer somente uns mil złotych.

Com fé na divina Providência, começámos a procurar. Entre outras coisas, imprimi um anúncio, e a minha mulher foi-o colando em Międzylesie, pelos arredores do colégio. Também procurámos na internet, vimos muitos andares e casas e pelo preço que oferecíamos só conseguíamos arranjar um pequeno apartamento. Entretanto comecei a pedir ajuda à Dora na busca de uma casa para a nossa família.

Um mês depois, decidimo-nos por um pequeno andar de três quartos em Józefów, por 1.400, zł. Assinámos o contrato na sexta-feira, e no sábado mudámos de casa. Ao assinar o contrato tinha um pressentimento de que não era o lugar definitivo para a nossa família.

Passado uma hora da nossa mudança para esse andar, ligou-nos um senhor de Międzylesie, que tinha lido o nosso anúncio, e disse que nos podia alugar um andar – com uma parcela de terreno – numa casa que estava desabitada, por 1.000 zł. O andar tem cinco quartos, e duas casas de banho. E está a uns 500 metros da escola… No primeiro momento disse-lhe que não estava interessado, porque tínhamos acabado de alugar outro andar. Além disso a situação complicava-se porque tínhamos assinado um contrato que não podíamos rescindir antes de passarem três meses.

Sabíamos que o dono do andar de Józefów não ia aceitar uma rescisão imediata do contrato, pelo que decidimos procurar alguém que nos substituísse. E conseguimos! Em duas semanas encontrámos outra família que procurava uma casa precisamente nessa zona. E nós mudámos para a nossa casa em Międzylesie. A minha mulher está encantada com os móveis da cozinha. Pela primeira vez os nossos filhos vão para a escola a pé, e estamos felizes porque Deus cuidou mais uma vez de nós.

Só depois de já estar a viver na nova casa soubemos mais coisas de Dora, e então conhecemos o seu carisma: cuidar da casa!

M. G. (Polónia)