"Acompanhado pela oração de milhares de pessoas"

No dia de hoje, mons. Fernando Ocáriz pôde encontrar-se com centenas de pessoas de várias cidades do Brasil, que viajaram ao Rio de Janeiro para ver pessoalmente o prelado do Opus Dei.

Opus Dei - "Acompanhado pela oração de milhares de pessoas"

Neste domingo, Mons. Fernando Ocáriz pregou a meditação e celebrou a Missa na casa da rua Icatu. Na meditação, comentou que “estamos nas mãos de Deus. Não há dificuldade que o Senhor não possa vencer”. Também disse que Jesus é a manifestação da verdade mais importante de todas, a do amor infinito de Deus por nós.

O encontro com supernumerários da Prelazia ocorreu no final da manhã. Alguns argentinos e uruguaios vieram para o evento. Mons. Ocáriz pediu-nos para rezar pelo Papa e pela Igreja. Afirmou que tudo o que existe de mais precioso na vida dos fiéis da Obra – a Eucaristia, a Sagrada Escritura – vem da Igreja, é Igreja.

A amizade é fundamental

Um dos presentes perguntou como compaginar a liberdade com a prudência na educação dos filhos. “A amizade com eles é fundamental”, pontuou o prelado. Comentou que os pais devem saber aliar o exercício da autoridade com o interesse sincero por eles.

Aconselhou-nos a evitar o desalento diante dos próprios defeitos. Disse que não podemos capitular diante deles, porque é o Senhor quem nos guia e dá forças. Diante das graças que Deus nos concede, devemos corresponder com agradecimento. Além disso, é importante “sentir a responsabilidade pelos talentos que recebemos e fazê-los frutificar”. Por fim, insistiu na necessidade de estarmos alegres, para assim transmitir melhor a mensagem de Cristo aos nossos amigos.

Petrópolis, a “Cidade de Pedro”

Um grande grupo de supernumerárias e algumas cooperadoras da Obra estiveram com Mons. Ocáriz nesta tarde. As que participam das atividades da Obra em Petrópolis contaram algumas notícias de lá e pediram orações. O Prelado disse que as pessoas dessa cidade têm uma obrigação especial de rezar pelo Papa, já que Petrópolis é a “Cidade de Pedro”, e o Papa é o sucessor de São Pedro.

Uma das presentes perguntou como podemos preparar-nos bem para os noventa anos da Obra. Mons. Fernando Ocáriz sugeriu que intensifiquemos as ações de graças a Deus durante este ano.

Acompanhado pela oração de milhares de pessoas

No fim do dia houve uma tertúlia com jovens que participam dos meios de formação em várias cidades do Brasil. Uma estudante de Brasília perguntou a Mons. Ocáriz como se sente sendo o “Padre” desta família tão numerosa. Ele contou que lhe dá muita tranquilidade “sentir-se acompanhado pela oração de milhares de pessoas”.