Número de artigos: 44

Cada caminhante siga seu caminho

O Opus Dei tem fins exclusivamente espirituais e apostólicos. Nos assuntos profissionais, sociais, políticos, econômicos, etc. seus membros pensam e atuam com plena liberdade e responsabilidade pessoal, de acordo com as diretrizes do Magistério da Igreja nos aspectos doutrinais e morais. E o pluralismo que daí resulta não é apenas respeitado, mas querido e valorizado.

Notícias

A liberdade, a política e o Opus Dei

Apresentam-se trechos do livro O Fundador do Opus Dei (III), de A. Vázquez de Prada, em que fica patente a atuação de São Josemaria em temas políticos, perante calúnias e informações falsas acerca do Opus Dei.

Relatos biográficos

A formação dos sacerdotes para oferecer um adequado atendimento pastoral

“Terão de estudar constantemente a ciência de Deus, orientar espiritualmente tantas almas, ouvir muitas confissões, pregar incansavelmente e rezar muito, muito, com o coração sempre posto no Sacrário”. São Josemaria na Homilia “Sacerdote para a Eternidade”.

Notícias

A Igreja tem em si uma abertura a todos os povos e culturas de todos os tempos

Na audiência geral, o Papa Francisco explicou o que significa a catolicidade da Igreja e a "inculturação": “Ser capaz de proclamar a Boa Nova de Cristo Salvador, respeitando o que é bom e verdadeiro nas culturas”.

Da Igreja e do Papa

A formação da consciência nos planos social e político segundo os ensinamentos de São Josemaria Escrivá

Artigo de Ángel Rodríguez Luño, Professor Catedrático de Ética na Universidade Pontifícia da Santa Cruz (Roma), publicado no número 24 da revista Romana.

Questões históricas sobre São Josemaria e o Opus Dei

Herdou dos franceses a sua paixão pela liberdade

O Fundador do Opus Dei, tinha um coração muito grande, e manifestara, de um modo particular, o seu amor pela França. Dissera-me que tinha ‘um quarto de sangue francês’, por parte de um seu avô. Depois disse-me que teria herdado dos seus antepassados franceses a sua paixão pela liberdade.

Testemunhos

Novo ebook “Agradar a Deus”

“Agradar a Deus”. A gratuidade e a liberdade do amor, nos bastidores do cotidiano. “Que veja com os teus olhos, Cristo meu!”. Assim rezava são Josemaria e assim gostaríamos de continuar rezando, quase 50 anos depois do nosso encontro com Deus. Sim, entusiasma-nos olhar o mundo, a nossa vida, as nossas coisas, com os olhos de Jesus. Com esse olhar tudo recebe o seu verdadeiro sentido. Este livro reúne algumas perspectivas abertas por um olhar assim.

Textos espirituais

Proselitismo? Liberdade e proposta vocacional

É legítimo para um cristão fazer proselitismo? O que significa “proselitismo”? Sempre teve este significado? Como deve ser o impulso evangelizador dos cristãos?

Vida Cristã

O que é a liberdade? A pessoa é realmente livre?

«Deus quis ‘deixar nas mãos do homem as suas próprias decisões’» (Si 15,14.). Que significa que a pessoa é livre? Que é a liberdade?

Vida Cristã

São Josemaria defendia um romantismo cristão que ama a liberdade dos outros

​O Vigário Geral do Opus Dei, Mariano Fazio, apresentou em Madri o seu livro "O último romântico". A obra nasceu do desejo do autor de saldar uma dívida de gratidão para com São Josemaria, dando a chave interpretativa da mensagem da santidade na vida quotidiana à luz dos novos desafios de homem e mulher do século XXI.

Notícias