Primeira Igreja dedicada a S. Josemaria no México

A nova paróquia de São Josemaria será atendida por sacerdotes da Prelatura do Opus Dei, por disposição do cardeal Norberto Rivera Carrera. O acto foi presidido por Mons. Javier Echevarría[...]

O primeiro templo dedicado a S. Josemaria no México foi consagrado em Santa Fé no passado dia 28 de Julho. A paróquia, situada na zona urbana de Santa Fé, vai ser atendida por sacerdotes da Prelatura do Opus Dei, conforme determinação do Cardeal Norberto Rivera Carrera.

Interior da Igreja ao terminar a cerimónia

“Assim termina um ciclo que teve início no ano de 2002, quando o Card. Rivera Carrera encomendou ao Opus Dei a construção de um templo para ser atendido por sacerdotes da Prelatura, e, com o esforço de muitos, a primeira pedra foi benzida no dia 13 de Março de 2005”, afirmou o Arcebispo.

D. Javier Echevarría com o Cardeal Norberto Rivera Carrera ao terminar a celebração

Foram quatro anos de intensa atividade material e pastoral. Durante este período, a comunidade assistia à Santa Missa em instalações provisórias, e o edifício da futura paróquia crescia ao ritmo da obtenção de fundos de que se encarregava um grupo de promotores. Finalmente, no passado dia 28 de Julho realizou-se a dedicação da igreja.

O Prelado do Opus Dei presidiu à cerimônia da consagração do templo para o anúncio da palavra de Deus, para a celebração dos sacramentos e o serviço da caridade. D. Javier Echevarría, na sua homilia, agradeceu o esforço dispendido com a construção da nova igreja e o convite do Cardeal Rivera para presidir à cerimônia.

Recordou que a obra de serviço à Igreja, às almas e à humanidade inteira tem de ser realizada com oração, expiação e um anúncio optimista do Evangelho, pois há muita gente que está à espera de conhecer intimamente Deus e cultivar assim a amizade “d’ Aquele que não atraiçoa, que não abandona. E, para um cristão, conhecer, tratar e amar Cristo é o essencial. Só assim cumpriremos os desígnios do Senhor”. Durante a cerimônia de dedicação, D. Javier Echevarria colocou sob o altar uma relíquia de S. Josemaria.

Imagem de S. Josemaria no interior da igreja

Pelo menos 2000 habitantes, que vivem em áreas afastadas, vêm todos os fins-de-semana. Cerca de 800 pessoas formaram uma comunidade ativa que participa em programas próprios da vida paroquial. 200 voluntários atendem cinco mil pessoas dos bairros marginais de Santa Fé, e já têm vários projetos para ampliar o raio de ação social a partir da paróquia. Estes dados foram recolhidos no livro que o Cardeal Rivera recebeu no decorrer da cerimônia da consagração do templo, e que contém informação sobre o trabalho pastoral que o Opus Dei realiza naquela zona.

O Cardeal comentou, em 2005, que a construção de um templo nesta zona da cidade significava “erguer a Cristo uma igreja no México moderno”. Já nesses anos Santa Fé se apresentava como uma das zonas laborais mais dinâmicas e como centro nevrálgico do comércio internacional no Distrito Federal.

O Arcebispo de Mérida, D. Emilio Berlié, e o bispo auxiliar da Arquidiocese do México D. Carlos Briceño Arch também assistiram à cerimônia.

Esta inauguração constitui certamente um motivo de alegria e de ação de graças, que irá, sem dúvida, dar um impulso ainda maior ao trabalho pastoral e serviço social que já se realiza na igreja desde há meses.