O rim do meu marido

Os médicos não têm explicação para isto: depois de seis anos fazendo diálise, o rim do meu marido voltou a funcionar. Eu atribuo o fato à intercessão do Dr. Eduardo Ortiz de Landázuri.

Opus Dei - O rim do meu marido Foto: Rawpixel

Faz sete anos retiraram um rim do meu marido, por terem diagnosticado um tumor maligno; meses depois teve de atravessar uma difícil e perigosa operação na aorta. No pós-operatório teve uma insuficiência renal, e por isso teve que fazer diálise durante seis anos. Em uma revisão médica, disseram-nos que lhe restava pouco tempo de vida.

Os médicos consideram inexplicável que um rim, depois de seis anos em diálise, e com a fragilidade da saúde do meu marido, comece a funcionar

Vi uma estampa do Dr. Eduardo em uma igreja da minha cidade, e recorri com muita fé para que alcançasse a cura do meu marido.

Em pouco tempo, o único rim, que já não funcionava, começou a funcionar. Os médicos consideram inexplicável que um rim, depois de seis anos em diálise, e com a fragilidade da saúde do meu marido, comece a funcionar.

O meu marido já não necessita de diálise há um ano, tendo uma vida normal, apesar da sua saúde frágil

O meu marido já não necessita de diálise há um ano, tendo uma vida normal, apesar da sua saúde frágil. Temos certeza de que a sua cura deve-se à intercessão do Dr. Eduardo, a quem queremos mostrar nosso profundo agradecimento.

A. A. España


Clique aqui para enviar o relato de um favor recebido.

Clique aqui para fazer uma doação.