O exemplo de Dolores Escrivá

​Uma amiga minha deu-me um exemplar da biografia de São Josemaria que fora publicada por altura da sua canonização quando faltavam poucas semanas para o parto do meu segundo filho.

Favores de São Josemaria
Opus Dei - O exemplo de Dolores Escrivá

Uma amiga minha deu-me um exemplar da biografia de São Josemaria que fora publicada na época da sua canonização quando faltavam poucas semanas para o parto do meu segundo filho. A minha mãe, que viera de Bangalore passar alguns meses com a minha família em Nova Deli para ajudar quando chegasse o novo bebê, leu todo o livro, mas eu apenas dera uma vista de olhos a uma parte dele.

Esta era, de fato, a minha terceira gravidez – perdi o meu primeiro filho devido a aborto – e a gravidez e parto do meu filho mais velho foram muito difíceis. Graças a Deus, nasceu uma criança saudável e o seu primeiro nome em hindi quer dizer “precioso”. Tenho, agora, o mesmo ginecologista – visto o segundo bebê ter vindo exatamente um ano e meio depois do primeiro. Houve algumas ligeiras complicações durante a gravidez e, quando eu fui fazer um “check up”, o médico aconselhou-me a que eu ficasse lá e depois daria início ao trabalho de parto. Fiquei um pouco nervosa e, por esse motivo, a minha mãe trouxe para o hospital o livro sobre São Josemaria para que nos ajudasse a ambas a estar mais perto de Deus. A minha mãe deu-me um terço para eu rezar e ela também estava lendo para mim partes do livro de São Josemaria. Eu não podia concentrar-me e decidi dar-lhe o terço e pedir-lhe que me desse o livro. Comecei a ler a parte em que São Josemaria conta como as suas irmãs mais novas foram morrendo, uma a uma, quando ele era pequeno e como ele disse à mãe, “no próximo ano é a minha vez”. Então li o modo como a sua mãe lhe respondeu: “Não te preocupes, foste consagrado a Nossa Senhora, e ela vai-te proteger”. Então eu pensei “Agora é o que eu devo fazer! Ponho o meu bebê e a mim própria, nas mãos de Nossa Senhora. Aconteça o que acontecer, será essa a vontade de Deus”.

Depois desta oração, senti uma calma imensa. O ginecologista veio e observou que a situação não estava progredindo e disse-me que, provavelmente, iria demorar mais umas quatro ou cinco horas. Senti que iria ser dentro em breve, mas o ginecologista não concordou. Porém, o trabalho de parto acabou dentro de uma hora. O ginecologista ficou espantado porque desta vez foi um parto muito rápido.

O meu segundo filho é também um rapaz saudável; o meu marido e eu agradecemos esta dádiva a Deus e sentimos que ele tem a grande proteção da Santíssima Virgem. Agradeço sinceramente o exemplo de Dolores Escrivá, a mãe de São Josemaria, que me ajudou a corresponder com fé à vivência da maternidade e a pensar que os meus filhos são, antes de tudo, filhos de Deus.

A. D., Nova Deli, Índia

17 de Julho de 2004