No quinto dia

Trabalhava há um ano no escritório de meu pai.

Favores de São Josemaria

Terminei a minha formação como advogado no mês de Novembro de 2014, com 23 anos. Trabalhava há um ano no escritório de meu pai. Além de continuar a trabalhar com o meu pai, queria e procurava outro emprego para poder ajudar mais a minha família e também poder tornar-me independente. Para tanto, em Março de 2015 comecei a rezar a Novena do Trabalho a São Josemaria, pedindo-lhe especialmente um trabalho onde pudesse conhecer outras pessoas, desenvolver as minhas capacidades e poder oferecer os meus serviços.

No quinto dia a pedir a S. Josemaria com fé e esperança um emprego, o meu celular tocou por volta do meio-dia: perguntavam-me se queria dar aulas de Religião num Colégio particular da minha cidade, a uns rapazes que tinham de se preparar para o Sacramento da Confirmação. Respondi imediatamente que sim. Os jovens encantam-me, sobretudo a possibilidade de fazer amigos e ser uma referência e exemplo com a responsabilidade que isso implica. Então, no dia seguinte tive uma entrevista com a coordenadora de Formação Religiosa do Colégio e nesse mesmo dia, à tarde, ligaram-me a dizer que tinha sido contratado. Estou muito satisfeito e agradecido, e cheguei à conclusão de que S. Josemaria também me queria nesse colégio.

F. M., Agentina